Bioparque Pantanal será ponto de coleta de lixo eletrônico e medicamentos vencidos

O Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado no próximo domingo (5), e, em alusão à data, a esplanada do Bioparque Pantanal será ponto de coleta de resíduos eletroeletrônicos e medicamentos vencidos e usados. A ação acontece no sábado (4), das 8h às 12h e conta com a participação de visitantes e público em geral.

Durante toda a amanhã crianças e adolescentes do Projeto Florestinha e a Polícia Militar Ambiental (PMA) estarão realizando a coleta dos materiais. O movimento é uma parceria do Bioparque Pantanal com a Associação Recicla LE, Conselho Regional de Farmácia e Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul).

De acordo com a PMA, além da ação evitar que resíduos não degradáveis tragam sérios danos ao ambiente e a saúde da população, contribui para economia local, pois os resíduos descartados serão destinados a uma associação sem fins lucrativos que também presta serviços à comunidade e a projetos sociais.

A Coordenadora Estadual do Projeto Florestinha, a 2ª Tenente, Eveny Crisitiane Lino Parrela conta que é a primeira vez que esse tipo de material é coletado por eles, e que a iniciativa tem o poder de estimular a preservação ao meio ambiente. “Convidamos a todos a participarem desse momento, se tiverem esse tipo de material em casa podem trazer para nós, pois daremos a eles o destino correto, explica.

Para a gestão do Bioparque, ações como essas ampliam o alcance das informações dos cuidados que devemos ter com o nosso planeta. “A gente busca formar essa teia de informações, na educação, na contemplação e nas ações. Quando fazemos esssas dinâmicas com o público, estamos plantado um comportamento ambiental”, disse a diretora do complexo, Maria Fernanda Balestieri.

O descarte incorreto desses elementos impacta de forma negativa a saúde pública, devido aos metais pesados que geram sérios danos ao meio ambiente.

Veja também