Com 90% dos leitos do HR ocupados, Ponta Porã adota uso obrigatório de máscara

Diante do aumento de casos de Covid-19 e Influenza, o uso obrigatório de máscara e o distanciamento social voltaram em Ponta Porã. A medida foi anunciada nesta segunda-feira (10), pelo prefeito Hélio Peluffo, em coletiva de imprensa no Centro de Convenções.

Ao lado do vice-prefeito, Eduardo Campos, do secretário municipal de Saúde, Patrick Derzi e dos vereadores Candinho Gabínio e Ângela Derzi, o Hélio falou da preocupação com o que considera “aumento significativo e assustador dos casos de Covid-19 em Ponta Porã”, reforçando os exames positivos de H3N2.

“Nós estamos hoje com 90% dos leitos do Hospital Regional ocupados. Então a situação é o preocupante. As pessoas ainda não se conscientizaram da sua responsabilidade e dos transtornos que os descuidos acabam causando para a cidade toda. Houve um amento significativo de casos de Covid e Influenza. Em razão disso, queremos fazer um apelo à população através da imprensa para que procurem a vacina”, disse.

Segundo o prefeito, como os casos aumentaram, a procura por vacinas também aumentou, mas o número de não imunizados ainda é grande.

“É preciso redobrar a vigilância e os cuidados. Por isso, o município exigirá através de decreto, o uso de máscara, o distanciamento social e o uso de álcool em gel. Essas primeiras medidas são para evitar o aumento ainda maior no número de novos casos. Se os números continuem em elevação, novas medidas podem ser tomadas, inclusive mais drásticas”, enfatizou Peluffo.

Outra preocupação do prefeito é com o retorno dos estudantes de Medicina e, por isso, determinou que a Secretaria Municipal de Saúde de Ponta Porã entre em contato com as autoridades sanitárias de Pedro Juan Caballero e realizem uma força-tarefa entre os dois municípios.

“Como os casos no Paraguai também são preocupantes, nós vamos nos reunir com as autoridades sanitárias do país vizinho e traçar planos em conjunto para que possamos conter o avanço da Covid-19 e do H3N2 em nossa fronteira”, finalizou Hélio Peluffo.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais