MS vai estudar retirada da obrigatoriedade da máscara ao ‘ar livre’

Mato Grosso do Sul tem 61,7% da população vacinada contra a Covid-19 e 80% da meta vacinável – maiores de 18 anos e públicos prioritários – com a segunda dose ou dose única, e diante disso, o ‘adeus’ ao uso obrigatório de máscara será avaliado no Estado.

A informação foi dada pelo presidente do Comitê Gestor do Prosseguir e secretário estadual de Infraestrutura, Eduardo Riedel, na manhã desta sexta-feira (15).

No entanto, a liberação inicial, caso realmente ocorra, será apenas em ambientes abertos.

“É uma discussão que a gente vai ter ainda na próxima reunião (quinzenal do Prosseguir), é um debate que se faz presente na sociedade”, disse Riedel.

Importante ressaltar que esses avanços como, por exemplo, o fim do toque de recolher em todo o Estado, retorno das aulas 100% presenciais, liberação de eventos, é reflexo da vacinação contra o Novo Coronavírus que começou em janeiro de 2021.

Imunização em números

Dados do Vacinômetro mostram que o Estado tem 1.934.328 pessoas vacinadas com a D1 (Dose 1) e 1.486.449 com a D2 (Dose 2), e 235.024 com a dose única.

Veja também