Notícias de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero

SES fecha o cerco e cobra agilidade para municípios que estão com baixa vacinação de indígenas

A Secretaria Estadual de Saúde enviou mensagem aos municípios de Iguatemi, Coronel Sapucaia, Japorã, Dourados e Porto Murtinho cobrando agilidade no processo de vacinação, já que estão abaixo de 60%, da Cobertura Vacinal dos Indígenas Aldeados. Os dados foram extraídos às 11 horas, do E-VACINE pelo Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) e refere-se a dose 1.

A relação aponta que o município com o menor percentual é Iguatemi com 20,11%, depois vem Coronel Sapucaia com 47,94%, Japorã com 49,76%, Dourados com 55,41% e Porto Murtinho com 58,15%, considerando que estes municípios receberam 100% das doses.

Entre os municípios mais bem colocados estão: Bela Vista com 113,20%; Caarapó com 100,61%; Rio Brilhante com 95,79%; Brasilândia com 95,73%, Corumbá com 95,61%; Sidrolândia com 95,22%; Dois Irmãos do Buriti com 92,20%; Juti com 90,60% e Antonio João com 90,55%, acima de 90%.

Na faixa de 80% estão: Tacuru com 88,68%; Laguna Carapã com 85,72%; Maracaju com 82,89%.

Com 70% estão: Ponta Porã com 79,37%; Aquidauana com 76,40%; Sete Quedas com 72,56%; Nioaque com 71,29%.

Com 60% estão: Aral Moreira com 69,39%; Eldorado com 69,23%; Paranhos com 68,94%; Miranda com 67,80%; Douradina com 66,09%; Anastácio com 63,49% e Amambai com 61,62%.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou cienteSaiba mais