Sicredi Centro Sul-MS realiza formação de educadores no Programa União Faz a Vida

O programa União Faz a Vida foi desenvolvido pelo Sistema Sicredi em 1995 para ampliar o conhecimento das comunidades sobre o cooperativismo e a natureza das sociedades cooperativas. E, até hoje, segue o lema que inspirou sua criação e seu principal objetivo: “promover a cooperação e a cidadania, por meio de práticas de educação cooperativa, contribuindo com a educação integral de crianças e adolescentes”. Por meio da metodologia de projetos, os estudantes deixam o papel de receptores de conhecimento e tornam-se protagonistas do processo de aprendizagem.

O programa está presente nas regiões Norte, Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país. E tem números impressionantes. São mais de 3 milhões de crianças e adolescentes, mais de 150 mil educadores, mais de 2.600 escolas participantes e mais de 475 cidades em 12 estados do Brasil

Formação

E a Sicredi Centro-Sul MS realizou a formação de educadores no Programa A União Faz a Vida na região, que será desenvolvido nos municípios de Dourados, no Distrito de Macaúba, Amambai, Tacuru e Deodápolis. Ao todo, foram 21 professores habilitados pelos assessores pedagógicos do Programa que atuam em séries iniciais de escolas municipais. O Programa irá atuar em 9 escolas, com mais de 350 alunos impactados diretamente.

Impacto

Em 2021, A Fundação Sicredi divulgou um estudo sobre o impacto social do programa “A União Faz a Vida”. O trabalho buscou, por meio de metodologia científica, identificar o Retorno Social do Investimento (SROI) da iniciativa realizada há mais de 25 anos com crianças e adolescentes de escolas públicas e privadas de diversas regiões do Brasil.

Como principais resultados, o estudo revelou que os impactos do Programa permanecem na mesma intensidade na vida dos participantes por um período de cinco a sete anos, e que correspondem a quatro vezes o investimento realizado. Ou seja, para cada R$ 1,00 investido, são gerados R$ 4,07 de impactos sociais.

A iniciativa tem como objetivo promover princípios de cooperação e cidadania entre crianças e adolescentes de escolas de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio nas comunidades onde a instituição financeira cooperativa atua, estimulando-os a serem protagonistas que tomam decisões coletivas e constroem projetos cooperativos.

“É gratificante transformar a vida de crianças por meio da educação. O Programa aumenta o interesse e envolvimento dos participantes no processo de aprendizagem, sendo capaz de promover um maior senso de cidadania e coletividade e uma série de habilidades socioemocionais. Desenvolvemos esses jovens para que eles promovam impactos positivos em suas comunidades”, explica Sadi Masiero, presidente da Cooperativa.

Veja também