Ronaldo Ozório anuncia adiamento de concurso de beleza indígena para 2021.(Foto: Divulgação)

A pandemia do novo coronavírus provocou o cancelamento da realização do concurso Miss e Míster Indígena em MS, cuja primeira edição ocorreu em dezembro de 2019. O evento fica adiado para o ano que vem, caso as vacinas já tenham imunizado a população indígena e o público em geral.

A informação foi repassada por Ronaldo Ozório, presidente da Federação dos Povos e Organizações Indígenas de MS (FEPOIMS), que é a realizadora do evento. Segundo ele, a decisão pelo adiamento partiu do comitê que organiza o concurso e acatada pela entidade.Ronaldo Ozório observou que a pandemia atingiu em cheio as comunidades indígenas do Estado, com um alto índice de letalidade entre seus habitantes.

“Nossa preocupação agora é com o acompanhamento e tratamento de nossos irmãos, ao mesmo tempo em que estamos cobrando políticas públicas de atendimento para todas as nações indígenas”, pondera.

O presidente da FEPOIMS manifesta sua confiança e esperança na vacinação em massa, o mais rápido possível, da comunidade indígena do MS e do Brasil. “A saúde de nosso povo é a grande prioridade neste momento”, enfatiza Ozório.