Notícias de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero

SENAD prende em Assunção piloto procurado pela polícia norte-americana

A partir da troca de informações entre Instituições e Agências de Segurança Nacionais e Internacionais, Agentes Especiais da SENAD, em coordenação com a D.E.A. (polícia antidrogas dos Estados Unidos) e do Ministério Público do Paraguai, prenderam hoje no bairro Murucuyá, na cidade de Assunção, o piloto mexicano Ronier Sánchez Alonso, de 44 anos. Ele seria responsável por introduzir grandes volumes de drogas nos Estados Unidos, trabalhando para cartéis no México e na Colômbia.

Considerado o narcopiloto mais procurado pelos Estados Unidos, Sánchez possui alerta vermelho na INTERPOL e mandado de prisão para fins de extradição para aquele país. O narcopiloto foi alvo de várias investigações nos Estados Unidos sendo acusado de conspiração e tráfico internacional por via aérea, desde áreas de produção de cocaína na América do Sul até centros de redistribuição na América Central e no Caribe, controlados por cartéis mexicanos.

Notícias relacionadas

Segundo informações da inteligência, ele estava foragido e escondido no Brasil desde 2016, após um pouso forçado na Venezuela com uma aeronave a jato registrada nos Estados Unidos, que estava sendo usada para transportar cerca de duas toneladas de cocaína.

Ronier Sánchez entrou no Paraguai no dia 22 desse mês pelo Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi, em voo procedente do Brasil, aparentemente usando passaporte falso. Sua presença no país visava a compra de um jato, que provavelmente seria usado futuramente em atividades ilícitas.

Ronier era procurado pela polícia americana e estava na lista da INTERPOL.(Foto: SENAD)
Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais