O advogado Erick Gustavo Rocha Teran, de 43 anos, morreu ontem (2), no hospital, horas após ter tentado assassinar a ex, num escritório de advocacia no Jardim dos Estados, em Campo Grande. Ele atirou contra a própria cabeça.

Segundo o Campo Grande News, ele efetuou vários disparos contra a ex-mulher, de 36 anos, e ainda a agrediu com golpes de taco de beisebol. Ela está internada na Santa Casa.

Depois do atentado, a vítimar correu para uma conveniência, onde o Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrê-la. Mais equipes foram chamadas após serem informados que havia um baleado no escritório.

O advogado estava no banheiro do local, para onde correu e atirou contra a própria cabeça.

Conforme o site, o delegado Antônio Souza Ribas, plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, informou que o casal estava em processo de separação.0

A mulher é acadêmica de Direito e foi chamada pelo ex-marido no escritório para discutir a detalhes do divórcio.