As Polícias Civil e Militar atendem neste momento no Núcleo Industrial de Campo Grande, um caso de assassinato em que a vítima foi executada a tiros ao descer do carro diante de um bar. O homem foi identificado como Marlon Ricardo da Silva Diarte, de 37 anos.

O crime aconteceu agora pouco na Rua Principal 1, proximidades de um curtume. Conforme o apurado no local, Marlon trabalhava em uma madeireira na região e sua mulher foi busca-lo aparentemente para o almoço. Ao entrar no carro, disse para a mulher parar diante do bar pois precisava resolver um negócio, sem dizer o que era.

Atendido, assim que a mulher parou e ele abriu a porta do lado do passageiro começando desembarcar, foi atacado a tiros em diferentes partes do corpo, principalmente barriga. Populares acionaram o Corpo de Bombeiros, mas Marlon morreu na hora.

A polícia apura informação surgida no local indicando que Marlon seria interno do Presídio da Gameleira. Se confirmado, é o terceiro interno executado em poucos dias.