Homens armados invadem festa de Réveillon e executam dois na fronteira

Homens fortemente armados invadiram um salão de eventos na passagem do ano e executaram duas pessoas em Pedro Juan Caballero. Duas mulheres ficaram feridas, mas não correm risco de morte. O crime aconteceu no Salão de Festa Delgado no avenida Brasil no bairro Virgem de Caacupé e haviam muitas pessoas participando do evento. No momento que o animador da festa anunciava a alguma atração da festa quando os disparos começaram.

Homens com pistolas e fuzis chegaram no salão de festas em um carro de cor escura, foram até a mesa onde os alvos estavam e começaram a disparar. Em imagens que circulam na internet é possível ouvir os tiros e a gritaria das pessoas. Logo depois pedidos de socorro começaram a circular nas grupos de WhatsApp e policiais e bombeiros seguiram para o local.

Os mortos foram identificados como Celso Ariel Escobar Centurion de 26 anos e Hugo Javier Britez Ozuna de 23 anos, ambos com passagens por roubos e homicídios. Já as mulheres feridas são Grelsy Martínez Ramírez de 21 anos que levou um tiro nas nádegas e Luz Marina Ibáñez Centurion de 23 anos ferida com um disparo na coxa esquerda. As duas foram levadas para o Hospital Regional de Pedro Juan Caballero e estão sendo mantidas sob escolta policial.

Testemunhas disseram que o tiroteio durou quase dois minutos e centenas de disparos foram feitos. Celso e Hugo são apontados como pistoleiros de acusados na participação de diversos assassinatos na região de fronteira. Uma das vítimas recebeu tantos disparos que a cabeça foi totalmente destruída. A Polícia Nacional do Paraguai investiga o caso.

As vítimas receberam dezenas de tiros, principalmente na cabeça.(Foto: Divulgação)
Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais