Jornalista morre ao ser esfaqueado no pescoço em Campo Grande

Morreu por volta das 23h de sábado (22), o jornalista Douglas Silva, após ter sido esfaqueado no pescoço, na Vila Nhá Nhá, em Campo Grande.

Segundo o boletim de ocorrência, Douglas trabalhava no jornal Diário MS News e foi filiado ao PSD por 12 anos. Ele comunicou sua desfiliação do partido nas redes sociais no último dia 20.

A mãe de Douglas morreu em abril deste ano, vítima de leucemia.

Nas redes sociais do jornalista, colegas lamentaram a morte dele. A Polícia Civil investiga o caso.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais