Morador de Ponta Porã é morto por policial em Maracaju

Douglas Souza Mendonça de 29 anos, o Sarava, morreu na noite de ontem (22) circunstâncias que estão sendo apuradas pela polícia em frente a uma boate na rua Antônio João no bairro Ingá. Informações dão conta de que um policial militar de 32 anos, seria o autor dos disparos que mataram o morador da fronteira.

Policiais militares foram até o local e encontram Douglas caído com uma arma no peito. Ela já estava morto e o PM disse que havia feito os disparos contra que mataram o rapaz que já tinha sido processado por homicídio em 2016.

O policial contou que estava na boate e que teria sido encurralado por Douglas e outros dois homens que estavam em uma caminhonete Saveiro. Para se defender ele atirou várias vezes e atingiu Sarava que morreu na hora. Os outros dois homens que estavam com ele teriam fugido do local.

O caso foi registrado na Polícia Civil de Maracaju onde o policial militar foi ouvido e teve a arma apreendida. A arma que estava com Douglas também foi levada para a delegacia.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais