Operação em Ponta Porã é desdobramento da apreensão de drogas e fuzis em Nova Andradina

A operação da SIG (Seção de Investigações Gerais) da Delegacia de Nova Andradina na cidade de Ponta Porã nesta segunda-feira (7), é mais um desdobramento decorrente da apreensão ocorrida em 4 de dezembro de 2021, de 1,4 tonelada de maconha e de fuzis na cidade de Nova Andradina, ocasião em que uma pessoa foi presa.

De acordo com o site Jornal de Nova, no dia 6 de janeiro, a SIG de Nova Andradina deflagrou uma operação contra uma organização criminosa baseada em Ponta Porã, responsável pelo tráfico de drogas ilícitas e armas de grosso calibre, os investigadores cumpriram quatro mandados de busca e apreensão e um de prisão nas cidades de Ponta Porã e Antônio João, bem como em Concórdia (SC).

Neste dia, a operação resultou na apreensão de veículo, 470 quilos de maconha e a prisão de duas pessoas, uma em Ponta Porã e outra em Santa Catarina.

Após a operação, os policiais reuniram provas apreendidas e continuaram a investigar a organização criminosa que resultou em mais uma ação em Ponta Porã, contra alvos da mesma quadrilha.

Nesta segunda-feira, a SIG voltou a Ponta Porã onde cumpre mandados de busca e apreensão e de prisão contra sete alvos.

Participam a ação além da SIG de Nova Andradina, policiais civis de Anaurilândia, Bataguassu, Batayporã, Taquarussu, Angélica, Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) e das Delegacias de Ponta Porã.

Veja também