A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 10,8 Kg de cloridrato de cocaína, na madrugada desta quinta-feira (31), em Miranda. O entorpecente é avaliado em R$ 1,2 milhão.

Os agentes fiscalizavam na BR-262, quando abordaram um Fiat/Pálio, com placas de São Paulo (SP).

O motorista de nacionalidade boliviana estava acompanhado por um passageiro de origem brasileira. Durante a abordagem, ambos levantaram suspeitas na equipe.

Após vistoria, os policiais encontraram a droga dentro de garrafas plásticas no interior do tanque de combustível do carro.

Com o flagrante, o passageiro declarou não saber da existência do ilícito, já o condutor disse ter viajado até Puerto Quijarro, na Bolívia, e que receberia R$ 3 mil pelo transporte.

Os presos, a cocaína e o veículo foram encaminhados para a Polícia Federal em Campo Grande.