Caminhoneiro é resgatado de ataque de abelhas na BR-163

Um caminhoneiro identificado como Luciano, de 29 anos, viveu momentos de pânico e dor no último dia 11 de janeiro. Ele foi atacado por um enxame de abelhas na BR-163, no sentido Dourados – Caarapó.

Segundo informações dos Bombeiros, a vítima foi encontrada às margens de uma estrada vicinal, no meio da plantação de soja, já caída ao solo e com o enxame de abelha sobre seu corpo.

Para o local foram enviadas duas viaturas, sendo que a primeira chegou com a sargento Priscila Fernandes e o soldado Aías Alexsander que fizeram os primeiros atendimentos e encaminharam o homem para o carro dos Bombeiros.

Durante os procedimentos, a própria equipe chegou a ser atacadas pelas abelhas.

Após abordagem ao Luciano foi constatado que ele estava sem resposta motora, com dificuldade de respirar e desorientado devido à enorme quantidade de picadas de abelha.

A agilidade no atendimento foi fundamental para salvar Luciano que recebeu alta do hospital no domingo (16). Enquanto era feito o deslocamento do local do ataque para a unidade hospitalar, a vítima apresentou taquicardia e saturação baixa.

Diante disso, o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e interceptaram a viatura do Corpo de Bombeiros na rua Hayel Bon Faker, próxima a rua Wilson Gabiatti.

Os médicos entraram na viatura, ministraram medicamentos e foi necessário a manobra de intubação devido ao agravamento do edema de glote da vítima e o deslocamento prosseguiu na viatura do bombeiro até o Hospital da Vida.

Lá, Luciano foi internado na área vermelha e depois levado para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Confira o momento do resgate de Luciano:

Veja também