Famasul alerta produtores sobre mudança nas etapas de vacinação contra febre aftosa

Os produtores de Mato Grosso do Sul precisam ficar atentos ao novo calendário oficial de vacinação contra a febre aftosa. De acordo com a alteração publicada em Diário Oficial no dia 9 de março, as etapas serão invertidas excepcionalmente este ano, atendendo a determinação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Na região do planalto, bovinos e bubalinos com até vinte e quatro meses de idade devem ser vacinados na primeira etapa, que começa no dia 1° de maio e vai até o dia 31 de maio. Já todo o rebanho bovino e bubalino, de mamando a caducando, ficam para segunda etapa, marcada para 1° de novembro até 30 de novembro. Lembramos que a região do Pantanal permanece sem alteração, podendo o produtor optar pela vacinação do rebanho todo em maio ou novembro.

A mudança abrange os estados que compõem o Bloco IV dentro do Plano Estratégico do Programa Nacional de Vigilância da Febre Aftosa (PE-PNEFA), que somam aproximadamente 61,3 milhões de bovinos e bubalinos de 0 a 24 meses que deverão ser imunizados no mês de maio de 2022. Além de Mato Grosso do Sul no bloco estão ainda os estados da Bahia, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Sergipe, São Paulo, Tocantins e o Distrito Federal.

Veja também