Segundo o Portal da Transparência da prefeitura de Ponta Porã, o município já arrecadou R$ 10.941,626,02 para ações de combate à pandemia da Covid-19. Os repasses são referentes aos meses de março a novembro, sendo que em alguns casos, não foram destinadas verbas ou então, o repasse foi único.

Entre março e novembro os repasses oriundo do Fundo a Fundo, isto, é, transferências que se caracterizam pelo repasse por meio da descentralização de recursos diretamente de fundos da esfera federal para fundos da esfera estadual e municipal, passaram os R$ 7 milhões.

De acordo com o Portal da Transparência, a verba foi enviada em março (R$ 262.894,12) e abril (R$ 395.409,14). Nos meses de maio e junho o município que faz fronteira com o Paraguai por meio de Pedro Juan Caballero não recebeu.

No entanto, em julho, o total de dinheiro enviado, provavelmente para compra de insumos contra o Novo Coronavírus, passou de R$ 4 milhões. Ao todo, foram R$ 4.423.416,00.

Em agosto foram repassados R$ 204.872,00, setembro R$ 546.190,00, outubro R$ 1.527,447,22 e agora em novembro, R$ 30 mil.

Totalizando, Ponta Porã já recebeu R$ 7.390.228,48.

O Portal da Transparência detalha também outros repasses provenientes, por exemplo, do SUAS (Sistema Único de Assistência Social) que no mês de maio recebeu mais de R$ 437 mil, junho R$ 380.310,00, julho ficou zerado. Em agosto foram R$ 56.700,00, chegando ao montante de R$ 874.020,00.

Desde setembro a cidade não recebe verba do Sistema Único de Assistência Social.

Repasses da União, ou seja, do Governo Federal para Ponta Porã, chegam a R$ 1 milhão, do Estado, são R$ 289.960,00. Transferências do FEAS (Fundo Estadual de Assistência Social) são R$ 381.008,00 em repasse único feito no mês de setembro.

Transferências de Instituições Públicas são R$ 7 mil, também sendo repasse único.

A reportagem do Ponta Porã News tentou contato com a Secretaria de Saúde para questionar como os recursos foram aplicados, porém as ligações não foram atendidas.