Notícias de Ponta Porã e Pedro Juan Caballero

Sem leitos de UTI/Covid, MP pede que Ponta Porã intensifique fiscalização

O Ministério Público Estadual fez na última semana, uma recomendação à prefeitura de Ponta Porã, para que atue, fiscalize e aplique punição a qualquer bar, restaurante e similares que desrespeitarem as regras sanitárias vigentes para o controle da Covid-19.

Ontem (23), o município atingiu 100% de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) destinados a pacientes com o Novo Coronavírus.

Desde o feriado do carnaval, a Vigilância Sanitária, a Guarda Civil Municipal de Fronteira e a Polícia Militar estão trabalhando em conjunto para coibir qualquer tipo de abuso. Durante este período, algumas festas foram, com grande concentração de público, foram encerradas.

Ponta Porã está classificada com bandeira vermelha e em razão disso, o Decreto Estadual, que impõe restrições à circulação de pessoas e a abertura de bares e restaurantes, fica limitado das 22h às 5h.

A Vigilância Sanitária e a GCMFron estão diariamente nas ruas fazendo fiscalização preventiva. Para estabelecimentos que não cumpram as normas vigentes, ou que insistam reiteradamente no descumprimento, a punição é a aplicação de multa e pode chegar até mesmo a cassação do Alvará de funcionamento.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais