Olimpíada de microbiologia movimenta a semana acadêmica da UCP

Eventos já tradicionais dentro da Universidade Central do Paraguai (UCP), as olimpíadas acadêmicas servem para os universitários coloquem em prática os conhecimentos adquiridos dentro de sala, nos laboratórios e clínicas da instituição. Organizado pelo Departamento de Pesquisa e Extensão Universitária, a Olimpíada de Microbiologia está movimentando a semana acadêmica na UCP de Pedro Juan Caballero.

Com diversos temas abordados, a disputa é acirrada entre os grupos e o alto nível de conhecimento demonstrado pelos participantes mostra que a competição será disputada ponto a ponto durante toda a realização do evento e não dá para prever quem será o vencedor.

Segundo uma das organizadoras do evento Elizabeth Vargas, são nestes eventos que os alunos mostram como estão na evolução dentro da sala de aula. “Para nós professores e coordenadores isso serve de termômetro para analisar não só o desempenho deles, mas os rumos que devemos tomar como instituição formadora. Com ensino de qualidade teremos profissionais de excelência e é isso que nos propusemos a fazer” disse ela.

Para o criador do curso de Medicina da UCP Aparecido Carlos Bernardo, as olimpíadas são uma marca da instituição e o interesse dos estudantes vem crescendo a cada edição superando a anterior em todos os setores. “Nossos alunos são incentivados a pensar, criar e sair da zona de conforto. Isso será muito útil na hora de tomar decisões quando estiverem clinicando, operando ou fazendo algum diagnóstico. Gostamos de provocar o crescimento individual e em grupo, já que em muito momentos da vida profissional eles terão que fazer escolha por eles, pela equipe e principalmente pelos pacientes”, disse Carlos Bernardo.

A Olimpíada de Microbiologia continua pelos próximos dias até que sejam conhecidos os vencedores que serão premiados pela conquista.

Veja também