Encontrado morto na madrugada de ontem (6), na Fazenda Maria Auxiliadora, em Zanja Pytã, no Paraguai, o brasileiro Antônio Marcos Balbuena, de 50 anos. Ele trabalhava na propriedade há 25 anos.

De acordo com a imprensa paraguaia, o corpo dele caído aproximadamente dois metros e meio da sede geral da fazenda, e apresentava sinais de arma de fogo.

O brasileiro havia saído na quinta-feira (5), para dar um giro de rotina pela propriedade. O caso está sendo investigado como homicídio doloso.