Casa vazia “guardava” meia tonelada de maconha em Ponta Porã

Meia tonelada de maconha era “guardada” em casa abandonada no Jardim Primavera, em Ponta Porã, fronteira com o Paraguai. Policiais da DEDRON – Delegacia Especializada de Repressão aos crimes de Fronteira, receberam denúncia anônima apontando movimentação anormal na casa supostamente desabitada.

Checando a denúncia equipe constatou fluxo suspeito de veículos e pessoas no local durante o período noturno e identificou que a casa na verdade era local de armazenamento e distribuição de maconha. Na tarde de hoje os agentes ocuparam o imóvel e apreenderam 500 quilos da droga, balanças para grandes pesagens e outros materiais para embalagem da droga.

Os tabletes de maconha estavam dentro de caixas de papelão, envoltos em grossa camada de plástico, aparentemente para serem colocados em alguma carga lícita que seria transportada em caminhão. Policiais da DEFRON constataram que apesar de desabitado, no local era constante o fluxo de veículos e pessoas, conforme marcas de pneu e pela quantidade de bitucas de cigarro jogadas no chão. A investigação segue para identificação de envolvidos no esquema criminoso.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais