Joari José Paz de Lima teria matado um adolescente de 16 anos em 2018. (Foto: Porã News)

Acusado do homicídio de um adolescente em 2018, Joari José Paz de Lima, de 39 anos, ainda tentou fugir dos pistoleiros antes de ser executado com diversos tiros no começo da tarde desta terça-feira (8), em frente à casa dele na rua da Infância no Jardim Ivone, na periferia de Ponta Porã.

Testemunhas disseram que Joari estava sentado em frente à residência quando alguns homens chegaram em um carro, desceram do veículo e começaram a atirar. Na tentativa de escapar dos pistoleiros ele correu alguns metros, mas foi atingido e depois fuzilado com dezena de disparos.

Joari já tinha sido preso no dia 6 de maio de 2018 depois de matar com diversos tiros de pistola César Moreno Ortellado de 16 anos. O crime aconteceu na rua Rafael Rinaldete e Joari foi preso logo depois na rua dos Engenheiros, no Jardim Ivone, mesmo bairro onde foi assassinado.

O caso será investigado pelo 1º Distrito Policial