O homem foi executado na frente da esposa na fronteira.(Foto: Divulgação)

A Polícia Nacional do Paraguai registrou na noite desta quarta-feira em Capitan Bado, cidade ao lado de Coronel Sapucaia, a execução de Antonio Martinez Martinez de 26 anos. Segundo a esposa dele, Antonio foi atraído para o local onde foi executado através de uma ligação telefônica. Ele teria ido ao local juntamente com a mulher para receber o pagamento pelo trabalho dele no cultivo de maconha.

Eliane Amarilla disse que o marido foi até o ponto de encontro por conhecer a pessoa que ligou e ela estava na garupa da moto. Enquanto aguardavam dois homens chegaram em outra moto e disparam várias vezes contra Antonio. Antes de deixar o local, os assassinos pegaram o telefone celular da vítima.

Eliane confirmou que o companheiro trabalhava com o plantio e preparado de maconha na região de Capitan Bado e que o crime deve estar ligado a atividade que ele realizava. Não há suspeitos do crime.