Duas mulheres foram presas por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) na noite desta terça-feira (14) após serem flagradas com maconha na MS-289, entre Amambai e Coronel Sapucaia.

De acordo com informações policiais, os militares do BOPE deram ordem de parada a um Volkswagen Voyage, que seguia no sentido Coronel Sapucaia a Amambai, mas condutor ignorou a ordem de parada e fugiu em alta velocidade. A equipe iniciou um acompanhamento tático até próximo da entrada de Amambai, quando o condutor abandonou o veículo e fugiu para um matagal às margens da rodovia.

No veículo foram encontrados 317 kg de maconha e 67,5 kg de skank, além de uma mulher de 35 anos, que afirmou aos policiais que o namorado conduzia o veículo e que eles pegaram a droga em Coronel Sapucaia e que levariam para Cuiabá (MT). Ela disse ainda que contavam com o apoio de outro veículo no repasse das informações policiais na rodovia.

A informação foi repassada para uma equipe do DOF que abordou um Corsa que era conduzido por uma mulher de 33 anos, que confessou que havia sido contratada para fazer o trabalho de “batedora de estrada”, repassando informações ao criminoso que fugiu.

As duas foram levadas para a Delegacia da Polícia Civil de Amambai onde foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas.