Foto: Tereré News

A Polícia Federal voltou às ruas nesta quinta-feira (23), com a operação ‘Posto Exclusivo’ que visa combater crimes de corrupção envolvendo licitações na prefeitura de Ladário, região pantaneira de Mato Grosso do Sul.

De acordo com as primeiras informações, com 55 policiais, são cumpridos 12 mandados de busca e apreensão em Corumbá, Ladário e Rio de Janeiro.

Investigações

A investigação teve início, ainda segundo a Polícia Federal, após denúncia que indicava haver conluio de um empresário do ramo de combustíveis com servidores municipais.

Os investigados poderão responder pelos crimes de corrupção passiva e ativa, por crimes previstos na Lei de Licitações e Contratos e por organização criminosa, prevista na Lei nº 12.850/2013, conforme aprofundamento dos trabalhos.

A operação

O nome da operação faz referência ao fato da empresa investigada ser a única fornecedora de combustível à prefeitura de Ladário, vencendo sucessivas licitações com suspeitas de fraudes.