Brasileiro de Laço Comprido volta a acontecer em Campo Grande

Com o apoio do Governo do Estado, através da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), Campo Grande recebe de 17 a 26 junho, o 8º Brasileirão de Laço Comprido. A competição é organizada pelo Circuito de Laço Comprido (CLC), junto à Federação de Clubes de Laço de Mato Grosso do Sul (FCL). As disputas ocorrem no Parque do Peão, saída para Rochedinho.

A tradicional competição sul-mato-grossense volta a acontecer após dois anos de pausa, por conta da pandemia do novo coronavírus. “É muito gratificante acompanhar o retorno desta festa, que é um legado de nosso estado”, afirma o diretor-presidente da Fundesporte, Silvio Lobo Filho. “O laço vem crescendo exorbitantemente nos últimos anos, o que traz apenas benefícios para nossa população. Todos prestigiam e participam das competições, movimentando a cultura e a economia de nosso estado”, conclui.

Conforme informações da organização, cerca de 13 estados brasileiros participarão do circuito, além de 22 municípios de Mato Grosso do Sul. Ao longo dos dez dias de competição, são esperados em média 1500 competidores, e um público diário de 3 mil pessoas.

“As expectativas são muito boas em retomar essa competição depois do tempo em que ficamos afastados. O pessoal já está desembarcando na cidade, então estamos ansiosos”, declara Abeldes Rocha Júnior., um dos organizadores do evento.

Além das disputas, que são abertas à população, o público também contará com shows de artistas locais e nacionais, todos com entrada franca. Entre os destaques das atrações, está o show da dupla Teodoro & Sampaio, na sexta-feira (24). As crianças também poderão aproveitar o parque de diversões montado para o evento, além da praça de alimentação.

Veja também