Operário paraense morre soterrado em empresa em Dourados

No fim da tarde de sexta-feira (8), o operário paraense Wellington da Silva Alves, de 25 anos, morreu soterrado enquanto operava uma máquina ‘bobcat’, nas obras da empresa Inpasa Agroindustrial, localizada às margens da BR-163, em Dourados, saída para Caarapó.

Segundo o apurado pela reportagem, a vítima estava acompanhado do colega de trabalho Floriano Barbosa Rodrigues, num barranco, quando o mesmo desmoronou. O outro rapaz conseguiu escapar.

Wellington tentou sair do local antes de ser atingido, porém, não conseguiu e morreu soterrado.

Importante mencionar que os trabalhadores são ligados à empresa Zortea, terceirizada que presta serviço para o local.  

Equipes do Corpo de Bombeiros de Dourados, Polícia Civil e Perícia Técnica estiveram no local. 

Veja também