A morte do médico será a primeira registrada no mês de julho pela doença.(Foto: Divulgação)

Uma mulher de 51 anos precisou ser está internada no HU (Hospital Universitário) onde está em estado grave depois de ter uma embolia pulmonar em decorrência de uma cirurgia plástica. A mulher que não teve o nome divulgado realizou o procedimento em Pedro Juan Caballero onde o quadro de saúde dela teve complicações.

Ela foi levada de urgência para o Hospital da Vida e depois transferida para o HU, pois apresentava um quadro de infecção hospitalar o que poderia causar a morte dela em pouco tempo. A mulher também passou por exames para detectar se ela está infectada pelo coronavírus.

Familiares da mulher não quiseram dar depoimento mas as informações são de que a paciente apresentava hematomas nas mãos e nos pés e que nunca conseguiu se recuperar totalmente depois da cirurgia. O nome do médico e a clínica onde a mulher foi operada não foram divulgados.