MS terá delegacia para reforçar combate ao furto de gado e crimes agrícolas

A interlocução da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) permitiu mais uma conquista para apoiar a economia sul-mato-grossense, a criação da Delegacia Especializada de Combate à Crimes Rurais e Abigeato (Deleagro), publicada no Decreto Estadual 15.659, nesta manhã (28). A Deleagro atende um pedido feito pela Assembleia Legislativa ao Governo do Estado, em solicitação à demanda da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul [Famasul] e sindicatos rurais, em reunião realizada na Casa de Leis no ano passado.

O presidente Paulo Corrêa (PSDB) comemorou o atendimento à solicitação da ALEMS junto ao Poder Executivo. “Comemorando aqui algo conquistado pela Assembleia Legislativa. Agradeço ao Governo do Estado a publicação do Decreto que cria no organograma da Polícia Civil a Deleagro, é demonstrado que o governador Reinaldo Azambuja nos atendeu, pois nós fizemos com que houvesse conscientização de ser de extrema urgência a criação desta delegacia. Isso é importantíssimo para garantir a lei e a ordem em Mato Grosso do Sul”, frisou.

“Uma das funções da Deleagro é o combate do abigeato, que é o roubo de gado, e voltou a acontecer com frequência no Estado, entre outros crimes. Foi um pedido feito em reunião com o presidente Famasul, Maurício Saito, em conjunto com os agricultores, pois há também roubo de insumos e maquinários. Desejo sucesso, pois essa delegacia já existiu nos idos de 1980, quando o delegado tomava conta junto com os produtores rurais. Fato é que se disseminar o roubo, não seremos conhecidos pelo rebanho e melhor carne que temos, e sim pelos crimes”, destacou Paulo Corrêa.

O deputado Barbosinha (DEM) parabenizou o tema abordado. “Esse tema tão importante, que parecia ter sido extirpado, mas voltou com toda força para o nosso Estado. Tal intervenção é fundamental para uma ação conjunta de inteligência e ação policial, pois se tem alguém matando, em alguém comprando”, considerou.

O deputado Cabo Almi (PT) também comemorou o Poder Executivo pela criação da nova delegacia. “Cumprimento pela criação desta delegacia, pois são inúmeros os municípios que estão sofrendo com o roubo de gado, e se faz necessária a intervenção da segurança pública”, relatou.

Deleagro

Criada para reprimir e investigar crimes como o abigeato, que se trata de furtos de animais domésticos no campo e nas fazendas, principalmente de gado, subtrações de insumos, defensivos e maquinários agrícolas. Poderá também atuar nos delitos provenientes de crimes agrários, quando houver violência.

Pax Primavera
Veja também

Ao continuar navegando nesse site, você concorda com o uso de cookies. Estou ciente Saiba mais